Seguidores do blog... Adoro!!

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Amamentação

Assim que nos tornamos mãe fala-se muito sobre amamentação. Um assunto em que todas nós mães já conversamos e que sempre será falado e incentivado por todos os profissionais da saúde. 

Tenho três filhas, uma de 9 anos, 4 anos e outra de 1 ano e meio, amamentei as 3, mas nem sempre é tão fácil quanto aparece na tv.

Desde que eu engravidei pela primeira vez, li e pesquisei tudo sobre gestação,parto e amamentação, a maioria das pesquisas foi pela internet.

Os benefícios do leite materno para o bebê são:
  • possui todos os nutrientes necessários para a nutrição do bebê;
  • conter anticorpos e outros fatores que ajudam a combater possíveis infecções;
  • ter fácil digestibilidade e não provoca diarreia ou prisão de ventre;
  • ajudar a prevenir alergias porque ajuda na formação do sistema imunológico da criança.
Quando a Aimêe nasceu, ela não mamou no primeiro dia, fiquei preocupada, mas a enfermeira disse que ela estava com reserva e quando tivesse fome ia mamar, e foi assim mesmo, começou a mamar no segundo dia. Mesmo assim, só queria mamar no peito esquerdo, fui insistindo e logo depois ela estava mamando nos dois seios. Confesso que nos primeiros dias doeu muiiitooo, e ela acordava para mamar de 2 em 2 horas, então além do sono, a hora de amamentar era dolorido. Não tinha muita prática, como muitas das pesquisas feitas na internet ninguém falou em dor, eu imaginava que fosse mais fácil. Meu seio enchia e ficava dolorido e fiu obrigada a tirar o leite com aquelas bombinhas que tem na farmácia, não era a melhor coisa do mundo mas resolvia. Acabei suportando a dor que passou depois de 10 dias aproximadamente, daí realmente pude perceber aquele vínculo entre mãe e filha e foi maravilhoso, fiquei muito feliz em conseguir amamentar, pois sei que foi melhor pra ela, amamentei até 1 ano e 46 dias e até dois anos ela nunca ficou doente.

Já na segunda e terceira, tinha certeza que eu iria amamentar, já sabia das dificuldades além de saber melhor como faz a pegada certa, então foi mais fácil realmente. No entanto meu seio ficou bem dolorido e até sangrou. Minha ginecologista tinha me dado uma amostra do " Mamare" , um protetor de seio que é um gel, pode ser reutilizado e é bem refrescante,  A Maitê já mamou desde o dia do seu nascimento e como a Aimêe, amamentei exclusivamente até o sexto mês e ainda amamentei até 1 ano e 8 meses. Hoje a Adele (caçula) ainda mama, está com 1 ano e meio.

Infelizmente nem todas as mamães conseguem amamentar, vários são os motivos, mas se você tem leite e quer persistir em amamentar, pode ser difícil, mas vale a pena, muito a pena!

Dicas pra quem tá sentindo muita dor, sangramento ou rachadura no seio:
Mamare - protetor de seio em gel comprado em farmácia. O valor é de aproximadamente R$ 50,00.
Pomadas - Masse e Lanolina, disponibilizam ainda na maternidade
Pegar sol nos seios, preferencialmente o da manhã.
Colocar o próprio leite no local onde está machucado
Colocar a casca da banana (a parte branca) no seio
Manteiga de cacau para hidratar o bico do seio

Como cada caso é um caso, para as mamães de Joinville podem procurar a maternidade Darcy Vargas, lá tem uma equipe de profissionais para ajudar as mamães da comunidade em geral com a amamentação. Pra quem quiser dar uma olhada tem o blog Darcy Vargas: http://www.redehumanizasus.net/blog/gth-mdv

O bico do seio de ser colocado inteiro na boca do bebê, a gente vê que tá certinho pelo beicinho dobrado pra fora, assim como a Maitê tá na foto, hehe


6 comentários:

  1. Bom eu por um problema no seio,não amamentei nenhum dos dois...confesso que não sentí falta sabe.Sei dos benefícios do leite materno e se pudesse gostaria muito de ter amamentado,mas tanto o Pedro como a Maria se adaptaram bem as fórmulas...e não tive problemas com nenhum dos dois no meio da noite...e os dois são super saudáveis.Eu soh acho q na maternidade não deveriam fazer tanto terrorismo pra gente amamentar...eu soh mostrando meu ultra som...conseguí q dessem a fómula pra eles...estive do outro lado sabe Claudia...enfermeiras forçando eu a amamentar,falando q tinha q tentar..tentar tentar...fiz uma mamoplastia de redução...tive infecção na cirurgia...perdí as glandulas mamárias...Acho lindo uma mãe amamentando,mas eu não pude...Ótimo teu post...como sempre explica certinho pra gente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. conheço varias mamães que nao amamentaram e os filhos são super saudáveis, como no seu caso. contei minha experiência, mas adoro ouvir as outras tbm. cada caso é um caso, e como sempre digo, a mãe sempre sabe o que fazer com os filhos. Bjs.

      Excluir
  2. Eu não gostava de amamentar e fazer em lugares fora de casa era uma tortura e morria de vergonha, rs.
    Mas tive muita sorte, não tive nenhum problema com rachaduras, leite que empedrou, foi tudo perfeito. Amamentei até os 4 meses as duas, depois voltei a trabalhar e elas abandonaram o peito, o que pra mim foi um alívio, rs.

    Uma ótima sexta e final de semana!
    Bjus

    Rafaelando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então foram duas alegrias, quando mamaram e quando deixaram, rsrs. Bem isso. Bom fim de semana.

      Excluir
  3. Oi lindona, como foi de final de semana?
    No dia que li seu post, eu tentei lembrar do oleo que passei para não rachar e foi muito bom e nào lembrava, agora lembrei: foi o Dersani, muito bom, barato e recomendo :)
    Um ótimo início de semana!
    Bjus

    Rafaela
    Em novo endereço: www.rafaelando.com/

    ResponderExcluir
  4. Eu amava amentar
    fiquei ate triste quando ela largou por nada aos 9 meses
    mas que doeu muito doeu eu passava uma pomada mas o que melhorou foi o proprio leite mesmo

    bjos

    ResponderExcluir